Discos voadores não existem ?

discos

Discos voadores não existem ? de acordo com esta pergunta colocaremos a você leitor fatos que o deixaram no mínimo intrigado sobre tal tecnologia, e que aparentemente ela é mais antigo do que aparenta.

A cada dia inúmeros leitores enviam suas inúmeras listas de “Teorias da conspiração” através do nosso email, e nos do agradecemos a vocês leitores pois sem as suas dicas seria praticamente impossível redigi-las.

Confira a sequência de um documentário sobre discos voadores :

Também há itens que tratam de assuntos delicados, por isso é importante ressaltar que a intenção do post é apenas apresentar as teorias e não julgá-las. Qualquer sugestão,ou reclamação sobre os temas abordados, colocar nos comentários, relatando/argumentando de forma educada, caso contrário, o comentário será apagado e não será respondido. Confira:

Discos voadores

Ufonóides (ufólogos paranóides) costumam desenvolver teses diabolicamente complexas sobre a suposta colaboração secreta entre governos humanos e extraterrestres. Mas nenhum foi tão longe quanto JACQUES VALLEE. Uma das teorias (ele tem várias) do cientista francês simplesmente nega a existência dos discos voadores. Segundo ele, os avistamentos e os casos de ABDUÇÃO ALIENÍGENA são experimentos psicossociais realizados pelos governos de vários países. Para fundamentar sua tese, Vallee cita três fraudes comprovadas por ele:

  • 1. Durante a Primeira Guerra Mundial, os alemães costumavam projetar imagens da Virgem Maria em colunas de fumaça para fazer com que o inimigo desistisse de lutar. Para Vallee, os discos voadores são apenas a versão mais elaborada desse mesmo truque.
  • 2. Em 1979, um jovem francês chamado Frank Fontaine desapareceu misteriosamente do seu apartamento. Alguns dias depois, foi encontrado num terreno baldio. Submetido a hipnose regressiva, Fontaine revelou que havia sido abduzido. Vallee, no entanto, diz que isso é mentira. Ele alega conhecer uma fonte (anônima, claro) no Ministério da Defesa francês que declara que o rapaz foi vítima de um experimento psicológico chamado “Exercício de Síntese Geral” Frank Fontaine teria sido dopado, conduzido a um estado semi-hipnótico e sugestionado a acreditar no seqüestro. “As comunidades ufológicas podem simplesmente estar sendo usadas num experimento sociológico, para checar como as pessoas reagem a diferentes rumores”, explica Vallee.
  • 3. Em 1980, um OVNI caiu na floresta de Rendlesham, na Inglaterra, bem próxima a uma base da Força Aérea americana. A maioria dos ufólogos acredita que o objeto era de origem alienígena e que militares americanos e ingleses esconderam os destroços e tentaram, em vão, encobrir o episódio. Jacques Vallee não. Ele acha que o objeto era de origem terrestre e que a queda foi forjada para testar a reação psicológica da população civil. Os militares teriam “encoberto” o episódio apenas o suficiente para despertar a curiosidade dos ufólogos.

Jacques Vallee também acredita que a maioria dos cultos ufológicos – como o Heaven’s Gate, por exemplo – são manipulados por organizações de inteligência. Teorias conspiratórias sobre GREYS,HÍBRIDO HUMANO-ALIENÍGENA, VACAS MUTILADAS e bases subterrâneas secretas seriam idéias cuidadosamente plantadas para esconder uma realidade muito mais aterradora. Jacques Vallee não sabe que realidade aterradora é esta. Mas deve ser muito, muito aterradora.

A partir deste ponto supostamente vários fatos começaram a surgir.

Hitler e os discos voadores

Discos voadores

Adolf Hitler foi detentor de um grande avanço tecnológico durante a segunda guerra mundial e, por hipótese, terá estado ligado ao fabrico em série de aeronaves apelidadas de discos voadores. Pensarmos, nesta possível parte da história que não nos é contada e confirmada, faz-nos ponderar o conjunto de teorias que foram criadas em torno destes objectos redondos e cintilantes que tantos já afirmaram ter visto.

O desconhecido exerce desde há muito um fascínio e curiosidade sobre o ser humano. Quantas teorias sobre fenómenos sobrenaturais são exploradas e quantas questões sem resposta são levantadas? Quem já não pensou, por exemplo, no fenómeno da existência de Óvnis, e quem já não ouviu testemunhos que afirmaram o avistamento de objectos estranhos, redondos e brilhantes no espaço?

De facto, a indústria do cinema, e até mesmo da literatura, deram origem a várias teorias e alimentaram opiniões diversas sobre este tema. O certo é que as primeiras abordagens a este fenómeno e os primeiros testemunhos reais tiveram origem na época de Hitler. Recuemos no tempo, mais exactamente ao início da Segunda Guerra mundial. E mergulhemos na teoria de Hitler e dos Discos Voadores.

Da ficção a breves factos reais, da história ou para a história, a tecnologia avançada que existiu durante a segunda guerra mundial deu origem a mísseis balísticos intercontinentais, motores a jacto, canhões de som, aeronaves avançadas e outros projectos fantásticos, que podem ser lidos em detalhe no artigo já aqui publicado sobre o tema: Armas extraordinárias da alemanha nazi. No entanto, aliada a toda esta mistica, e entre os projectos mais secretos de toda a Alemanha nazi, estariam os planos de um avançado sistema de propulsão, base da existência dos discos voadores.

De facto, não é difícil imaginar este cenário se tivermos em conta a alta tecnologia que Hitler possuía, e os cientistas de nome como Bellonzo, Miethe e Viktor Shauberger que estavam envolvidos diretamente nos seus projetos.

Consta que Schauberger, foi o responsável pelo projecto da Aeronave apelidada de “Disco Voador”, que tinha a capacidade de viajar acima dos 2.000km/hr e que alcançava uma altitude de 40.000 pés em menos de três minutos. Existem relatos de que estes discos voadores foram vistos mais tarde sobre os Estados Unidos e que existiu de facto uma produção em massa dos mesmos. Diz-se também que Adolf Hitler pretendia utilizar estes Aviões em formato de Disco Voador como instrumento de Guerra, e que parte desta tecnologia permanece ainda hoje na base América 2-11, na Antárctida.

Realidade ou pura ficção? Certezas não existem, mas o facto é que a Alemanha Nazi reivindicou o território de Nova Suábia, na Antárctida e realizou uma pesquisa em tecnologia de propulsão avançada. Existem, ainda, testemunhos que afirmaram o avistamento de Óvnis durante a Segunda Guerra Mundial.

Discos voadores
Alegada fotografia de um modelo experimental SS E-IV

O primeiro relato verídico sobre o avistamento de discos voadores nazis, foi feito por um professor, um cientista italiano e um ex-ministro da Economia Nacional no âmbito do regime de Mussolini, através de um artigo para o jornal Il Giornale d’Italia, em 1950. Estes afirmaram que os grandes poderes tinham lançado discos voadores, com o objectivo de os poderem estudar e testar.

Foram muitos os pilotos que afirmaram ter visto naves estranhas sobre a Alemanha. Nenhuma delas foi capturada pelos aliados, embora alguns cientistas tivessem desaparecido, existindo hoje a teoria que essas naves tenham sido embarcadas para algum lugar, tendo como referência a Antárctida.

discos voadores hitler nazi ufo
(esq) Fotografia rara de um alegado teste na base espacial de Peenemuende. (dir) Estrutura circular construída na Polónia. Segundo o historiador Igor Witkowski fui utilizado nos testes do projecto Vril

Este assunto foi referido através de alguns meios noticiosos, nomeadamente o New York Times, como algo novo e misterioso que estava a surgir, durante a Segunda Guerra Mundial. Desde uma nova arma alemã a esferas coloridas que tinham sido avistadas em território alemão, foram vários os relatos que fomentam até hoje um desconhecido.

Este é sem dúvida um tema que gera polémica. Para alguns são simplesmente factos que não passam de pura especulação, para outros uma hipótese bastante provável que agarra testemunhos da época e pode explicar o tão falado e especulado tema do aparecimento de óvnis que fomenta conversas até aos dias de hoje.

discos voadores hitler nazi ufo
(esq) Foto rara, alegado protótipo VRIL. (dir) Ilustração sistema de propulsão electro-magnético vril

discos voadores hitler nazi ufo

discos voadores hitler nazi ufo
(esq) Documento detalhando as fases dos protótipos do projecto VRIL. (dir) VRIL 7 nos campos de testes de Brandenburg. A mulher em primeiro plano foi posteriormente autenticada em outras fotos de guerra

discos voadores hitler nazi ufo

ZZ5F820982
(esq) Foto de baixa resolução de um alegado teste real. (dir) Foto de baixa resolução de um ME109 (caça nazi) a voar em formação com um alegado protótipo VRIL7.
discos voadores hitler nazi ufo

ZZ0B1F114C
Teorias referem a existência de uma base avançada na Antárctida. Esta base seria posteriormente encontrada e gerida pelos EUA.


Documento detalhado da teoria das tecnologias avançadas de propulsão na alemanha nazi.

Porém a seguinte pergunta paira no ar se de fato os nazistas detinham tal tecnologia referente aos discos voadores, o que os cientistas ou até mesmo o governo não poderia fazer nos dias atuais ?

Adaptado de :caixadepandora

2 respostas para “Discos voadores não existem ?”

  1. […] para nós, resultam em algumas idéias um pouco mais bizarras)…. — Continue lendo em Caixa De Pandora Compartilhe:FacebookEmail Veja também outros Links de hoje « Os brutos também amam […]

  2. […] tratar de vida alienígena e discos voadores é tocar em um assunto delicado, porém há fatos muito controvércios neste assunto… — Continue lendo em Caixa De Pandora […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Metano em marte pode sugerir vida ET
Os maiores mistérios de netuno
Onde andam os atores de Carrossel parte I
Menino gasta mais de 2.400 reais com o jogo FarmVille
Coisas bizarras encontradas em alimentos ( parte 2 )
Aumento do nível do mar é preoculpante
Teorias da conspiração #5# parte II
Imagem misteriosa aparece atrás de uma criança
Pérolas da Polícia
Desvendando o "paradoxo das férias"
Todos os direitos reservados - 2016