Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/megacubo/armagedomoculto.com.br/wp-includes/taxonomy.php on line 3043
Entenda que é o Transhumanismo

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/megacubo/armagedomoculto.com.br/wp-includes/taxonomy.php on line 3043

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/megacubo/armagedomoculto.com.br/wp-includes/taxonomy.php on line 3043
class="post-18543 post type-post status-publish format-standard hentry category-curiosidade tag-entenda-que-e-o-transhumanismo" id="post-18543">

Entenda que é o Transhumanismo

Entenda que e o Transhumanismo

Entenda que é o Transhumanismo, Mais inteligente, mais saudável, mais feliz transcender-se para frente, nos experimentos, na novidade!

O movimento transhumanista defende o uso da ciência e tecnologia para aumentar a inteligência, a longevidade e o bem-estar dos seres humanos, bem como para eliminar o sofrimento, tanto quanto possível, de todos os seres. Transhumanistas consideram certos aspectos tais como as deficiências físicas e mentais, o sofrimento, a doença, o envelhecimento e a morte involuntária, como desnecessários e indesejáveis. Eles se voltam para a biotecnologia e tecnologias emergentes para estes propósitos

Ele é simbolizado por >H ou H+

Ao invés de façanhas memoráveis, literatura ou esportes, para os transhumanistas, este anseio é instrumentalizado pela ciência e assumidamente objetiva transformar a condição humana, aprimorando-a. Com as faculdades físicas e cognitivas melhoradas, os transhumanistas aspiram aumentar o bem-estar dos seres senscientes e explorar os confins do Cosmo.

Assim como os humanistas, os Transhumanistas enaltecem a razão, o processo, o método científico e o bem-estar humano. Todavia, os transhumanistas declaram os limites humanos através da ciência e da tecnologia,vislumbrando,na humanidade, um estágio transitório no desenvolvimento evolucionário da inteligência do físico Freeman Dyson ” a humanidade parece-me como um começo magnífico, mas não a última palavra.”

HISTÓRIA

Os objetivos transhumanistas são tão antigos quanto a humanidade , para ficar entre os exemplos mais evidentes basta lembrar-mos dos egípicios, na antiguidade, e dos alquimistas na idade média. Da mesma forma, um estado de felicidade suprema e imortalidade da alma ( isto é, uma forma de controlar a morte ) é a promessa fundamental por trás de todas as religiões

Os transhumanistas compartilham objetivos como a imortalidade,
perseguida pelos egípcios na antiguidade e pelos alquimistas na idade média, dentre tantos outros que remontam à aurora da civilização.
 
A conquista do ideal da beleza e da perfeição, semideuses ciumentos com poderes supra-humanos, criaturas estranhas e superinteligentes como os centauros: o futuro da humanidade lembrará em algum aspecto o passado mitológico?

O movimento intelectual que advoga o emprego da ciência moderna (que conta com apenas 400 anos) para alcançar estes objetivos, todavia, é bastante recente. O termo transhumanismo foi criado pelo biólogo Julian Huxley em 1957, que o definiu como a doutrina do “homem continuando homem, mas transcendendo, ao perceber novas possibilidades de e para sua natureza humana”. A concepção atual do termo, no entanto, difere significativamente da definição de Huxley.

 

Em 1966, FM-2030 (antes F.M. Esfandiary), um futurista estadunidense da New School University, começou a identificar como “transumano” (uma referência a “humano transitório”) —  “pessoas que adaptavam tecnologias, estilos de vida, e visões de mundo transicionais a uma pós-humanidade.” Embora bastante próxima da concepção atual, a definição de FM-2030 era ainda mais ampla que a atual.

FM-2030, um dos precursores do movimento transhumanista, definia-se como “uma pessoa do século XXI acidentalmente lançado no século XX, tendo uma profunda nostalgia do futuro.” Nascido em 1930 e falecido em 2000, FM-2030 encontra-se em congelado (suspensão criônica) na Alcor Life Extension)

A atual

O uso do termo transhumanismo no sentido atual é creditado a Max Moore, significando a filosofia que diz que podemos e devemos nos desenvolver a níveis maiores, seja fisicamente, mentalmente ou socialmente, usando a tecnologia.

Alguns dos objetivos comuns aos transhumanistas são a eliminação da pobreza e sofrimento humanos, a cura das deficiências físicas e mentais, o aumento da inteligência humana, o prolongamento indefinido do tempo de vida do ser humano, visando a imortalidade, a criação de inteligência artificial e a exploração espacial.

Transhumanistas compartilham o entendimento de que a evolução dos seres humanos não deve continuar entregue (a não ser por aqueles que assim o desejarem) a um processo randômico de mutações. Ao contrário: os próprios humanos devem interferir, buscando o melhor caminho possível, na sua própria evolução.

Transhumanistas auto-declarados encontram-se espalhados pelo mundo, representando, segundo Michael Anissimov, um grupo de cerca de 10.000 pessoas, com uma rede social de aproximadamente US$3bilhões.

O país com o maior número de adeptos são os EUA, com destaque para a Califórnia, estado símbolo da riqueza e bem-estar norte-americano, concentrando empresas e instuições de pesquisa que se encontram na fronteira da ciência. Foi na Universidade da Califórnia em Los Angeles, na década de 80, onde se reuniram as primeiras pessoas auto-declaradas transhumanistas. Na mesma Califórnia, em 2009, foi fundada a Singularity University

 
Simpatizante do movimento transhumanista, simbolizado pela expressão H+
TRANSHUMANISTAS
Abaixo, uma breve lista com alguns dos mais conhecidos transhumanistas declarados e simpatizantes.
Aubrey de Grey – O QUE ESTUDOU: ciência da computação, com um doutorado especial em biologia pela Universidade de
O QUE FEZ/DEFENDE: criou a Fundação SENS e defende que será possível a seres humanos vivos atualmente viverem indefinidamente.
Ben Goertzel: O QUE ESTUDOU: doutorado em matemática pela Temple University.

O QUE FEZ/DEFENDE: Fundou empresas nas áreas de inteligência artificial (Novamente) e bioinformática (Biomind), onde desenvolve projetos de inteligência artificial aplicada. Com recursos provenientes destes empreendimentos, financia seu projeto de criação de uma inteligência artificial geral poderosa. A ideia de Goertzel e seu time é criar um “bebê AI”. Uma vez criada, esta entidade passaria por sucessivos aprimoramento até transformar-se em um “cientista AI”, capaz de fazer descobertas científicas e produzir conhecimento útil por si próprio.  

João Pedro de Magalhães – O QUE ESTUDOU: microbiologia, na Universidade do Porto. Realizou pós-doutorado em Harvard. Atualmente, encontra-se na Universidade de Liverpool.

O QUE FEZ/DEFENDE: pesquisador da biologia do envelhecimento, criou o  maior banco de dados sobre a genômica do envelhecimento. Defende que lutará para viver para sempre — ou que morrerá tentando.

Marvin Minsky – O QUE ESTUDOU: professor de ciência da computação no MIT.

O QUE FEZ/DEFENDE: foi co-fundador do Laboratório de Inteligência Artificial (MIT AI Lab, atualmente MIT Computer Science and Artificial Intelligence Laboratory — CSAIL). Famoso por suas pesquisas, é até citado no clássico de Arthur Clarke “2001 – Uma Odisséia no Espaço” (levado ao cinema por Stanley Kubrick). É membro da Alcor Life Extension e defende a criação de uma superinteligência benéfica. É autor de “The Emotional Machine” e “Mind Society”.

“Acho que o grande problema é que não somos inteligentes o suficiente para entender quais dos problemas que temos são bons o suficiente. Portanto, temos de construir máquinas superinteligentes como o HAL. (…) Podemos ficar mais inteligentes. Acho que já somos bem inteligentes, comparados com chimpanzés, mas não somos inteligentes o suficiente para lidar com os problemas colossais que enfrentamos, seja na matemática abstrata ou em entender economia ou manter o equilíbrio do mundo.” Marvin Minsk (em palestra no TED)

Peter Diamandis – O QUE ESTUDOU: engenharia no MIT e, no mestrado, medicina na  Harvard Medical School.

O O QUE FEZ/DEFENDE: co-fundador da Singularity University, criou com Paul Allen (o co-fundador da Microsoft) a SpaceShipOne, a primeira espaçonave pilotada não governamental da história. Sua empresa Space Adventures foi responsável por levar Dennis Tito à Estação Espacial Internacional em 2001, tornando-o o primeiro turista espacial da história. Atualmente, a Space Adventures planeja a primeira viagem privada à Lua, em um vôo orbital, que abrirá uma nova era na exploração espacial. Defende os ideais transhumanistas e parece se interessar, especialmente, pela exploração espacial.

Peter Thiel – O QUE ESTUDOU: Direito e filosofia em Stanford.

O QUE FEZ/DEFENDE:  co-fundador do Paypal (sistema de pagamentos online) e investidor inicial do Facebook.  Thiel financiou o Singularity Summit, série de encontros que visam acelerar a singularidade, e doou U$3.5 million à Fundação Matusalém para pesquisa anti-envelhecimento.

Raymond Kurzweil – O QUE ESTUDOU: engenharia no MIT.

O QUE FEZ/DEFENDE: Considerado o “Thomas Edson do século XXI” (Inventor do ano de 1998, pelo MIT; Medalha Nacional da Tecnologia 1999) e pioneiro no desenvolvimento de programas de reconhecimento de fala e caracteres ópticos (OCR). Uma de suas invenções de maior sucesso foi o software de leitura para cegos.
A vida e as idéias de Ray Kurzweil deram origem ao documentário “Transcendent Man” (2009, por Barry Ptolemy). É também autor de “A Era das Máquinas Espirituais” e “Singularity is Near. Diferentemente de outros transhumanistas que se dedicam apenas a pesquisa ou ao associativismo, Kurzweil tem demonstrado interesse em divulgar o transhumanismo para o grande público. Poder-se ia dizer que Kurzweil reúne em si todo o idealismo transhumanista do qual é o grande divulgador.

Em síntese, defende que a única forma de os seres humanos não serem extintos pela evolução das máquinas será pelo aumento da inteligência humana, somando-se à inteligência humana (biológica) as vantagens da inteligência não-biológica (os computadores).

Lary Page e Sergey Brin – Os fundadores do Google mantém uma atitude de discreto apoio às ideias transhumanistas. Além disso, o próprio Google estaria buscando criar uma inteligência artificial geral poderosa. O apoio, como se vê da frase abaixo, nem sempre é tão discreto.

Bill Gates – A suspeita de que tem simpatia ao transhumanismo surge de revelações de Kurzweil. Gates teria declarado que “Raymond Kurzweil é a pessoa que melhor conhece o futuro da tecnologia” e que “concorda com 99% do que Kurzweil diz”, embora o considere excessivamente otimista.

James Cameron – Embora nunca o tenha manifestado abertamente, há rumores de que seria um simpatizante ou, até mesmo, por meio de sua filmografia, um propagador de idéias ligadas ao transhumanismo. Há quem veja vários elementos transhumanistas em “Exterminador do Futuro” e “Avatar”.

Stephen Hawking

O QUE ESTUDOU: É professor de física na Universidade de Cambridge.

O QUE DEFENDE: também pode ser classificado como (ao menos) simpatizante do transhumanismo, Hawking defendeu a idéia de que os seres humanos iniciaram um novo estágio na evolução e serão capazes de desenhar a própria inteligência, diminuir a agressividade humana e explorar outros lugares nos cosmos.

“Leis serão aprovadas contra a engenharia genética com seres humanos. Mas algumas pessoas não resistirão à tentação de aprimorar as características humanas, tais como o tamanho da memória e a resistência à doenças, e a duração da vida. Quando estes super-humanos aparecerem, surgirão grandes problemas políticos, com os seres humanos não aprimorados que não serão capaz de competir com os aprimorados. Presumivelmente, os não aprimorados irão morrer ou se tornarão irrelevantes.  Ao invés disso, haverá uma corrida de criação destes seres, que serão melhorados em um ritmo sempre crescente. Se essa raça conseguir redesenhar-se para reduzir ou eliminar o risco de auto-destruição, ela provavelmente irá se espalhar e colonizar outros planetas e estrelas.” – Sthephen Hawking

Eu não ia comentar, mas, isso não lembra a outra página aí do lado sobre HÍBRIDOS, e os seres humanos se tornarem “irrelevantes”?

COMUNIDADES

HPlus Comunity

Comunidade virtual da Humanity Plus, com um fórum movimentado, mas em inglês. O número de membros ainda é reduzido (cerca de 700), mas a participação é intensa.
Link: hpluscommunity

INSTITUIÇÕES

Singularity University

A Singularity University é uma instituição acadêmica situada no Vale do Silício, Califórnia (mais precisamente, no Ames Parq, da NASA), que tem por objetivo “reunir, educar e inspirar” líderes  do futuro para enfrentar as dificuldades e aproveitar as oportunidades do desenvolvimento exponencial da tecnologia. A Singularity University teve como sócios fundadores o Google e da Nasa.
“Humanity Plus” (anteriormente designada por “World Transhumanist Association”
É uma organização internacional sem fins lucrativos que advoga o uso ético da tecnologia para expandir as capacidades humanas, defendendo o desenvolvimento e o acesso às novas tecnologias que permitirão a qualquer pessoa desfrutar melhores mentes, melhores corpos e melhores vidas. Em outras palavras, a Humanity Plus defende que as pessoas sejam mais do que boas: sejam melhores. A associação foi fundada pelo jovem filósofo de Oxford Nick Bostrom.

Sens Foundation

Iniciativa, dentre outros, de Aubrey de Grey, trata-se de uma fundação com sede na Califórnia com objetivo de financiar pesquisas para o retardamento do envelhecimento e o rejuvenescimento.

Alcor Life Extension Foundation

Immortality Institute
Trata-se de uma organização com a missão de promover a pesquisa científica sobre extensão da vida, visando, um dia, acabar com a morte involuntária. É sustentada por doações de particulares.

BRASIL

Apesar de o associativismo transhumanista ser inexpressivo no Brasil, o país  a importância crescente.

Os brasileiros tornam-se adeptos com facilidade de novidades tecnológicas. A penetração da Internet no país o Orkut, Face e twitter são algumas evidências disso;

Engenheiros e cientistas da computação de Belo Horizonte já ocupam papel de destaque em uma das mais importantes empreitadas para a criação de Inteligência Geral Artificial, o OpenCog. Foi a estes mesmos engenheiros brasileiros (com destaque para Murilo Queiroz e Lúcio Coelho) que Ray Kurzweil, a estrela do movimento, confiou a elaboração do chatbot Ramona 4 (aliás, por curiosidade, registre-se que o próprio Ben Goertzel, criador do OpenCog, nasceu no Rio de Janeiro e possui dupla nacionalidade, americana e brasileira).

FIAP (faculdade privada de São Paulo) tornou-se a primeira instituição de ensino superior no mundo a formar uma parceria com a Singularity University, levando brasileiros ao Vale do Silício e trazendo singularitários ao Brasil (como o ex-astronauta Dan Barry). O pioneirismo da instituição paulista é evidência da ausência de preconceitos e a abertura brasileira a ideias novas.

Fonte:
knol.google.com/k/transhumanismo-mais-inteligente-mais-saud%C3%A1vel-mais-feliz#

VÍDEOS:
Kurzweil em “conferência holográfica” na Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)




Singularity University

 



Físico Michio Kaku: as pessoas do futuro serão (seremos?) como os deuses da mitologia

 

foto do logo:
 

Apesar de o Transhumanismo constituir, por assim dizer, uma das manifestações mais arrojadas da cultura tecnológica do nosso tempo, não é por isso que não deixa de suscitar controvérsia nos meios acadêmicos. Francis Fukuyama, célebre autor dos livros “O Fim da História” e “O Nosso Futuro Pós-Humano” refere que “o Transhumanismo tem das idéias mais terríveis e destruidoras que conheço.” Só que Fukuyama não especifica.

Estaria a referir-se à manipulação genética? Aos desafios da clonagem humana? À utilização “errada” da nanotecnologia? À possibilidade da inteligência artificial poder suplantar a inteligência humana, como defendem muitos cientistas? A verdade é que o Transhumanismo, apesar dos seus princípios teóricos de beneficiação da condição humana com base na
tecnologia aplicada às ciências, não deixa de levantar questões morais, éticas e até filosóficas.
No fundo, é o homem a brinca de ser Deus. Será este o caminho do futuro?
Por Willian R. ThomasEles prevêem um futuro quando os seres humanos poderão tornar-se “pós-humanos” devido a uma melhora radical na saúde, poderes físicos e uma maior habilidade mental.
Transhumanistas defendem abrangentes novas tecnologias como drogas (farmacêuticas), engenharia genética, cibernética e nanotecnologia para o bem de melhorar a vida e felicidade.
Similarmente, os fundamentos morais do Transhumanismo podem estar mudando da promoção da autonomia e bem estar individual em direção a um utilitarismo que defende valorizar todas as formas de seres sensíveis, como animais. Isso é anti-humanismo para mim.
Outro risco ocupacional dos Transhumanistas é uma tendência de depreciar o homem como ele atualmente é. Transhumanistas argumentam que é possível fazer as pessoas mais saudáveis, mais inteligentes e mais capazes do que elas são hoje em dia, e que essas novas tecnologias vão tornar isso mais fácil. Isso implica que os seres humanos como nós somos hoje em dia são falhos? A tendência atual da “psicologia evolucionária” freqüentemente vê o ser humano como um ser dominado pelos seus traços e comportamentos herdados, muitos deles mal adaptados para o contexto moderno. Essa visão do homem é entusiasticamente abraçada por muitos Transhumanistas, que querem reparar os bugs no genoma humano e na sua psique.

Imitación Humana y Transhumanismo por:
Jacque Fresco

Canal Agustinma777

youtube

Jogo Transhumanista:

Videogame: “Deus Ex – Human Revolution”
Este trailer, é do jogo “Deus Ex – Human Revolution”. No trailer as pessoas são incentivadas a colocarem membros e órgãos artificiais, o que gera um enorme mercado para as grandes corporações e indústrias farmacêuticas, pois as pessoas precisam tomar um remédio para o resto da vida. No trailer as pessoas se revoltam, mostram ativistas defendendo a liberdade e expondo estas corporações. Muito interessante.
Esse jogo ficou em segundo lugar no prêmio de melhor trailer do ano.
E achei interessante pelo fato que refuta a onda trans-humanista que está começando hoje em dia, expondo os perigos relacionados com isto.
O vídeo não tem legendas, mas as imagens dizem tudo…

Canal Viso Games:youtube

Transhumanismo e a dignidade humana por:
Pe. Guaraciba Lopes de Oliveira Júnior
Mestre em Bioética
Diocese de Guaxupé, MG
Transhumanismo e a questão da dignidade humana(…) O transhumanismo radica no pressuposto de remodelar, revigorar, melhorar e modificar a essência da espécie humana, construindo uma própria condição, tais como doenças, imperfeição física, insuficiência mental, caducidade da vida e a morte. O desejo de melhorar a espécie humana é remoto. Podemos retroceder na história até a Antiguidade, na Grécia.
Na sua República (Politéia), Platão (428?348 a.C.) descreve o Estado ideal: uma sociedade na qual se procura aperfeiçoar a humanidade por processos seletivos.
E que o Estado deveria regular os casamentos e sacrificar os bebês masculinos deficientes.
Na antiga Roma, de cima da rocha Tarpeia (penhasco altíssimo situado no Monte Capitolino) crianças frágeiseram lançadas.
Meninos considerados fracos e debilitados eram assassinados em Esparta.
A dignidade do ser humano não era respeitada durante o regime do Führer Adolf Hitler,
os membros do partido nazistas, pregando a superioridade da raça ariana fizeram uso da eugenia para justificar a supressão da vida de judeus, negros deficientes mentais, ciganos e homossexuais.O transhumanismo é gerador de dilemas morais, éticos e bioéticos, pois traz, em seu bojo, o niilismo o princípio secular da plena realização autônoma, individualista e narcisista,
que impossibilita uma atitude de alteridade. Ante o exposto, configura?se o tema do transhumanismo como um dos desafios mais complexos da atualidade.
Em decorrência dessa situação evidencia?se a necessidade da busca de alternativas que contrariem a afronta à dignidade e aos direitos humanos em nome do avanço científico e da alta tecnologia.
Não há que se falar em incompatibilidade entre a proteção dos vulneráveis e o progresso científico.
Saad Hossne, no Manual Operacional para Comitês de Ética em Pesquisa:“O ser humano,
ao mesmo tempo em que tem comportamento de ‘filósofo’ (faz perguntas), tem de ‘pesquisador’ (busca respostas).
(…) É necessário lidar também com a ética.
Nessa moldura, os cientistas não podem fazer tudo, considerando?se que toda atividade humana sempre tem uma dimensão moral e deve estar sujeita a restrições morais.
Neste sentido, pode?se dizer que a ética nem subverte a ciência nem restringe desnecessariamente a tecnologia. Portanto, em conformidade com Luciana Grange e Olívia Arantes, “os avanços das descobertas científicas não precisam ser freados, mas
necessitam estar sob controle constante de sociedades organizadas, que, junto com os cientistas, possam decidir o que será melhor para todos”.(…)
Em contrapartida à doutrina transhumanista, não se pode furtar à verdade explicitada.
Como diria o dramaturgo e jornalista Nelson Rodrigues, é “óbvio ululante” admitir que não nos é permitido fazer tudo o que sabemos. A partir, porém, de que princípio se consolida no pressuposto ético, que o permitido é fundamentado no respeito à dignidade e no bem?estar.

Diante desta percepção, é necessário salientar que não se pode admitir que esses valores sejam banidos, desprezados ou tratados com desdem em favor dos resultados práticos,
mesmos que sejam bons, de qualquer experiência em ciência e tecnologia, pois uma
pessoa jamais poderá ser usada como meio para alcançar um fim. Salientando o pensamento de Erico Hammes, é forçoso entender que “os meios não se tornam melhores só por que os fins são bons”.
Devemos avaliar que, dentre as exigências básicas para o surgimento de uma história e sociedade novas está o desafio de uma procura na paz.
Por de modo particular, as experimentações no campo da genética haverão de enfrentar questionamentos muito sérios, especialmente, na área de abrangência da bioética. Por isso, tecnológicos sejam objetos de discussão; a questão, hoje, reside em renovar essa exigência a festa da nova humanidade(..)

Minhas Conclusões
Seria o Transhumanismo o perfeito paraíso? Ou seria o próprio inferno?
Quando se fala de seres humanos arcaicos, tem-se que tomar cuidado para o Eugenismo não imperar, sabemos que essa idéia se manifestou a milênios de anos, como se fosse umaagenda a ser seguida nos séculos seguintes, Hitler tentou isso obcecado com seu Arianismo
 
Hoje se fala tanto em ascender para a 5º dimensão ou pelo menos nos libertar dessa prisão, seria o transhumanismo uma forma de prender o homem para sempre em seu corpo físico???
 
Eles deixam muito claro, que a morte só virá se você quiser, então pense:
Você, o bandido da esquina, todos juntos eternamente!!!!
Outro ponto, vocês acham realmente que os cidadãos mais humildes terão essa tecnologia toda???
Eu acredito que no começo sim… Cobaias… Nada mais que isso, e quando arrumarem oserros, fim!!! Acabou! Isso será para os ricos e poderosos.
 
Eu acho que simplesmente, eles estão indo além do que se necessita; um membro perdido em um acidente, um coração parando… Quem não gostaria de trocá-los??? Esse é um tema complexo, cada um puxará a “sardinha” para si próprio.
 
Acho que devemos nos colocar no lugar dessas pessoas… Vamos brincar???
Se eu pudesse viver praticamente, eternamente, com meu corpo perfeito, mente perfeita, com poderes. Quem eu seria????
O super homem ou Lex Luthor??? Entenderam??? Ainda estaríamos na dualidade, nada mudaria….

E nossos sentimentos?? Para que existiriam?? Seriamos robôs biológicos! Com o tempo, e aja tempo nisso, em 800 ou 900 anos de vida, como seríamos??
Provavelmente mais frios mais egoístas…. Ou talvez não! Talvez seremos humanos de primeira classe, poderosos e felizes!!
Mas algo me diz que vida eterna na Terra, não trás felicidade!
Gostaria realmente de ler suas opiniões, comentem… É importante, pode ser o teu futuro!

Rita Z
Fontes:ohomemquesabiademasiadolibertarianismonaoentendonadadecinemawikipediaknol

Atualização

Filme Prometeu (Prometheus) e o Transhumanismo!
O tão afamado discurso da Elite Globalista, no filme mais esperado de 2012.
 
 


Canal:
http://www.youtube.com/user/geekingstv

3 respostas para “Entenda que é o Transhumanismo”

  1. Fábio disse:

    O que nos faz seres humanos? Seria a capacidade de expressar nossa indivualidade através das nossas opiniões e da arte. E o que aconteceria se todos os seres humanos fossem programados para pensar da mesma forma (o que de certa forma já acontece nos meios de comunicação, principalmente na TV) como uma colméia. Será que ainda poderíamos nos chamar de seres humano?

  2. […] este artigo não viria a confirmar um artigo anterior chamado “Transhumanismo” no minimo curioso […]

  3. deivison mendes disse:

    eu nunca tinha visto esse tal transhumanismo mais foi bem interessante saber da historia e um tema muito interessante parabéns pelo site

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/megacubo/armagedomoculto.com.br/wp-includes/taxonomy.php on line 3043

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/megacubo/armagedomoculto.com.br/wp-includes/taxonomy.php on line 3043

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/megacubo/armagedomoculto.com.br/wp-includes/taxonomy.php on line 3043

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/megacubo/armagedomoculto.com.br/wp-includes/taxonomy.php on line 3043

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/megacubo/armagedomoculto.com.br/wp-includes/taxonomy.php on line 3043

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/megacubo/armagedomoculto.com.br/wp-includes/taxonomy.php on line 3043

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/megacubo/armagedomoculto.com.br/wp-includes/taxonomy.php on line 3043

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/megacubo/armagedomoculto.com.br/wp-includes/taxonomy.php on line 3043

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/megacubo/armagedomoculto.com.br/wp-includes/taxonomy.php on line 3043

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/megacubo/armagedomoculto.com.br/wp-includes/taxonomy.php on line 3043

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/megacubo/armagedomoculto.com.br/wp-includes/taxonomy.php on line 3043
A História Secreta da Raça Humana, ou simplesmente Arqueologia proibida ?
Segunda guerra deixa seus sinistros remanscentes
Cientistas descobrem como detectar a quarta dimensão do espaço
Misterioso projeto visa detonar Bomba nuclear na lua
Inesquecíveis personagens da nossa infância que tiveram um final trágico
Telefones celulares podem causar tumores ?
o inferno segundo budismo
A ciência afirma os Ráios cósmicos podem varrer a vida na terra
Desvendando mistérios #4# = O fantasma da estrada
Avistamentos mais famosos da história
Todos os direitos reservados - 2016