Implantes robóticos são a solução para a falta de água ( vídeo )

Desafiados a construir uma garrafa de água especial para um período apocalíptico, com escassez de recursos, o estúdio de design Takram criou algo muito mais futurista: o Sistema Hidrolêmico Shemu. Utilizando um conjunto de implantes robóticos, o esquema imaginado pelo grupo previne o desperdício de líquidos pelo corpo e permite que o ser humano sobreviva com a ingestão de apenas 32 ml de água por dia.

A magia se dá por meio de uma série de órgãos artificiais que reutilizam os fluidos corporais. Um filtro, por exemplo, coleta a água existente nas fezes e a envia de volta ao rim. Um colar controla a transpiração. Um implante na jugular é capaz de regular a pressão sanguínea e otimizar a atividade do coração, enquanto outro no nariz coleta a umidade decorrente da respiração.

Para completar o processo, o ser humano precisaria apenas ingerir, diariamente, um tablete contendo nutrientes e 32 ml de água, mantendo o corpo funcionando em um ritmo saudável. A pergunta que fica é: você está disposto a instalar tudo isso em seu organismo para sobreviver?

Obs: este artigo não viria a confirmar um artigo anterior chamado “Transhumanismo” no minimo curioso não?

Fonte: Popsci

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Mistérios modernos
As imagens mais sem noção da blogosfera II
Achados arqueológicos surpreendentes
Você lembra do seriado Blosson?
Flúor trás riscos a saúde ?
Top 10 dos museu mais bizarros pelo mundo
Lágrima feminina diminuem desejo sexual do homem
O Shrek da vida real
Rir faz mesmo bem a saúde?
Incidente ainda mais grave que Chernobyl pode ter acontecido e acobertado
Todos os direitos reservados - 2016